DESENVOLVIMENTO DE NOVO MANEJO BIOLÓGICO SUSTENTÁVEL PARA FERTILIZAÇÃO POTÁSSICA E FOSFATADA DE DIVERSAS
CULTURAS AGRÍCOLAS (11 NOVAS TECNOLOGIAS) 

REFERÊNCIA : 0139/17

DESENVOLVIMENTO DE UM NOVO BIOPRODUTOS 

PARA ALCANÇAR O MÁXIMO EM RENDIMENTO

DE DIVERSAS CULTURAS AGRÍCOLAS 

PROJETO 

O projeto intitulado “Desenvolvimento de novo manejo biológico sustentável para fertilização potássica e fosfática de diversas culturas agrícolas (11 novas tecnologias)” propõe, a conclusão dos estudos e inserção no mercado, de uma nova ferramenta agrícola. O novo manejo é formado por pacote biotecnológico (inoculantes e novas biotecnologias) aplicado em fontes alternativas de fosfato e potássio (rochas potássicas, fosfáticas e torta de filtro) para nutrição mineral de diversas culturas agrícolas (soja, cana-de-açúcar, milho e arroz).

Os meios de cultura para produção das bactérias (Pseudomonas fluorescens, Burkholderia tropica, Paenibacillus edaphicus e Bacillus globisporus) serão produzidos com fontes alternativas (resíduos industriais), que crescerão em processos biotecnológico inovador que utiliza inibidores de moléculas de quorum sensing, alcançando uma concentração bacteriana mil vezes superior que a tecnologia atual e estarão disponíveis na forma liofilizada, que possui validade quarenta vezes superior à tecnologia existente no mercado.
Os principais desafios tecnológicos serão: o desenvolvimento de inoculantes sem competição entre si e que não sejam afetados pelos mecanismos de defesa das plantas, que o processo de inibição de moléculas de quorum sensing seja adequado para as espécies bacterianas que compõe o pacote biotecnológico, assim como o veículo ativador biodegradável. Que os restos industriais em sua maioria não estejam contaminados com agentes antimicrobianos e que a ampliação de escala do manejo não afete sua eficiência.
O novo manejo é resultado de quarenta e cinco anos de estudos dos membros da equipe técnica e nove anos de pesquisas desenvolvidas na empresa Solo Sapiens. Está em fase de conclusão, sendo necessários os estudos para a união das onze diferentes tecnologias.

IMPACTOS NO MERCADO

O Brasil é o terceiro maior produtor agrícola do mundo. A FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação) estima que o nosso país alcançará a liderança mundial na safra 2020/21. O crescimento do agronegócio aumenta a demanda por fertilizantes, desta forma, novas tecnologias que possibilitem a nutrição eficiente das culturas agrícolas, reduzindo os impactos ao ecossistema, são de grande interesse ambiental, social e econômico.Atualmente o mercado carece de inoculantes, tecnologia aplicadas aos inoculantes e produtos contendo bactérias promotoras de crescimento vegetal, a maior parte dos inoculantes (99,6%) são comercializadas para soja, utilizando somente quatro bactérias do gênero Bradyrhizobium. Desta forma a Solo Sapiens, pioneira no desenvolvimento de bioprodutos eficazes para o agronegócio será a primeira empresa a desenvolver um manejo completo para biofertilização de potássio e fosfato.O Projeto propõe a utilização de matéria-prima, equipamentos e recursos humanos nacionais para o desenvolvimento e comercialização do novo manejo biológico sustentável. Quando observamos a cadeia produtiva à jusante podemos destacar que a comercialização de fertilizantes de origem nacional (rochas potássicas, fosfáticas e trota de filtro), diminui a necessidade de importação de adubos, diminuindo os custos do produtor rural e promovendo o superávit da balança comercial brasileira.

Na produção dos inoculantes que compõe o pacote biotecnológico, o uso de fontes alternativas por meio de utilização de restos industriais, encontra um destino útil para agentes poluidores, diminuindo os custos na indústria e protegendo o meio ambiente.
O Brasil é o terceiro maios produtor de agrícola do mundo, desta forma à montante da cadeia produtiva podemos verificar que um novo manejo sustentável, que permita a fertilização potássica e fosfática de forma mais econômica, irá diminuir os custos de produção de diversas culturas agrícolas e consequentemente poderá diminuir o preço dos alimentos, combustíveis, matérias-primas e produtos manufaturados de diversas indústrias, entre outros. Como a agricultura é a base da nossa economia, a diminuição do custo de produção favorece o fortalecimento de toda a cadeia produtiva nacional, promovendo ganhos para todo o país.

FALE CONOSCO 

EXPERIMENTE UM FUTURO MELHOR 

 

UM FUTURO POSSÍVEL

VENHA CONHECER

A NOSSA NOVA

PROPOSTA DE MUNDO

 

ESTRADA PADRE ALDO BOLLINI, KM 76, VISINAL BRASILIO DE SANTIS

BRAGANÇA PAULISTA - SP CEP 12.929-598

SOLO SAPIENS INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE INOCULANTES LTDA

CNPJ 09.093.038/0001-20

pommorsky@hotmail.com

(11) 93367-7179